"Um Corpo Que Cai" completa 60 anos

10 de Maio de 2018 | Camila Costa

Quando falamos em cinema, não podemos deixar de citar um dos nomes mais icônicos da história da sétima arte: Alfred Hitchcock. Com obras inovadoras e enredos surpreendentes, Hitchcock conquistou o posto de diretor de destaque na indústria. Até hoje, os filmes do diretor são relembrados e, inclusive, favoritos de muitos. Entre tantos sucessos, uma obra de Hitchcock é relembrada hoje por completar 60 anos: “Um Corpo Que Cai”.

O filme tem como personagem principal um detetive aposentado (James Stewart) que morre de medo de altura. No enredo da história, o detetive é encarregado de vigiar uma mulher (Kim Novak) que apresenta tendências suicidas. Curiosamente, ela é muito atraída por lugares altos, levando o detetive a enfrentar seus maiores medos. Entretanto, em meio a essa missão, algo muito estranho acontece.

Com um grande tom de mistério, o filme não fez tanto sucesso na época em que foi lançado - principalmente em comparação a outras obras do diretor. Entretanto, foi com o passar do tempo que ele começou a ser apreciado e ganhou o status de icônico. Inclusive, em uma votação da revista Sight and Sound, "Um Corpo Que Cai" foi eleito um dos melhores filmes de todos os tempos. O ponto que traz o diferencial para o filme é algo tratado de forma única por Hitchcock: a mente humana.

Comente e compartilhe